Análises de Tendências e KPIs Financeiros

Pessoas realizando em um tablet Análises de Tendências e KPIs Financeiros

Compartilhe

Como estabelecer as análises de tendências e KPIs financeiros, e por que acompanhá-los?

As métricas financeiras nada mais são do que formas de mensurar e demonstrar o comportamento e o desempenho de um determinado negócio. Por isso, é essencial acompanhar as análises de tendências e KPIs financeiros para entender cenários atuais e prever futuros. 

Atualmente, sua empresa trata as demonstrações financeiras como uma simples obrigação regulatória ou como uma ferramenta de análise aliada das estratégias do seu negócio? Estabelecer métricas não impacta somente em resultados, mas transforma os processos financeiros.

KPIs Financeiros : como escolhê-los?

Os KPIs (Key Performance Indicator) são indicadores financeiros muito utilizados nas organizações e são essenciais na mensuração de determinadas variáveis. Além disso, indicam o desempenho e o acompanhamento de metas e objetivos.

Os Key Performance Indicator (KPIs) podem variar de acordo com as áreas da organização, bem como com a sua atuação no mercado. Ou seja, a gestão financeira de uma empresa pode ter seus KPIs, enquanto a área de Recursos Humanos podem estabelecer outros.

O que há de comum entre eles é que qualquer KPI precisa ser estabelecido em concordância com os objetivos da gestão.

Os KPIs Financeiros possibilitam que uma empresa (pequena, média ou grande) possa analisar e chegar a resultados reais para a organização. A partir de tais resultados, é possível tomar decisões baseadas em dados exatos e fidedignos.

Além dos indicadores financeiros (rentabilidade, lucratividade, etc.), pode-se fazer análises importantes também em outras fontes de informações. Abaixo, separamos os principais KPIs financeiros:

DRE - Demonstrativo de Resultados do Exercício

O Demonstrativo de Resultados do Exercício (DRE) é a demonstração contábil que disponibiliza as informações completas de todas as atividades operacionais e não operacionais de uma organização em um determinado exercício, comprovando se há lucro ou prejuízo.

Demonstração de Fluxo de Caixa

A Demonstração de Fluxo de Caixa mostra as entradas e saídas dos recursos financeiros de uma organização em determinado período, avaliando tudo aquilo que ela gerou e perdeu de caixa. A demonstração, diferentemente do Balanço Patrimonial e da DRE, segue o regime de caixa, ou seja, computa suas movimentações quando entra ou sai dinheiro efetivamente.

Fluxo de Caixa das Atividades Operacionais (FCO)

É composto pelas principais atividades de geração de caixa da companhia. Os valores que a compõem são referentes às atividades da empresa e normalmente relacionados com as transações da DRE. São parte deste fluxo movimentações como o recebimento de clientes e o pagamento de fornecedores e salários, por exemplo.

Fluxo de Caixa das Atividades de Investimento (FCI)

É composto dos valores aplicados em bens que a organização necessita para fazer as atividades operacionais. Além disso, é construído desde a aquisição e venda de ativos de longo prazo, tais como aplicações financeiras, investimentos em empresas coligadas e compra e venda de ativo imobilizado, por exemplo.

Fluxo de Caixa das Atividades de Financiamento (FCF)

É composto das movimentações referentes às necessidades de capital, pagamento de dívida de capital próprio ou de terceiros. Envolve empréstimos com instituições financeiras, recebimentos e pagamentos de financiamentos, emissão e negociação de ações, aumentos de capital e pagamento de dividendos, por exemplo. 

EBITDA

O EBITDA (Earnings Before Interest, Taxes, Depreciation and Amortization), em tradução livre, Lucro antes dos Juros, Impostos, Depreciações e Amortizações – LAJIR, é uma métrica de Lucro Operacional – EBIT ajustado. 

Além disso, ele mede qual é a capacidade de geração de caixa potencial da companhia através da obtenção do lucro operacional mais próximo possível de uma versão de caixa. Por este motivo, não leva em consideração as movimentações de depreciação e amortização do período, já que estas não geram movimentação no caixa.

Veja o conteúdo completo dos KPIs e Análises de Tendências!

Analise de tendências e KPIS financeiros

Quer saber quais são as métricas financeiras mais utilizadas e como estruturar boas análises de tendências e KPIs Financeiros?