A Transformação Digital e o CSC

two young female colleagues giving high five to celebrating achi
Este blog post traz discussões sobre uma transformação digital bem estruturada para os Centro de Serviços Compartilhados das organizações e como aqui na Dattos a gente ajudou a COFCO a alcançar esse objetivo.

Compartilhe

A Transformação Digital e o CSC

Quando falamos em CSC – Centro de Serviços Compartilhados – com certeza, algumas palavras vêm à nossa mente: informações centralizadas, departamentos conectados, gestão e controle. 

E então, quando adicionamos a famosa “transformação digital” a essa análise, outras tantas questões aparecem, tais como processos, mudanças e cultura. E tudo isso pode se encontrar em um ponto só: é possível que o CSC seja transformado digitalmente.

Ainda sobre transformação digital, esse vídeo muito explicativo da Rock Content vai ajudar a definir bem a essência desse processo:

Agora, muito mais do que alterar os processos burocráticos, a transformação digital também tem trazido soluções importantes para que o CSC seja cada vez mais estratégico e traga de verdade uma profunda mudança nas empresas.

Os dados financeiros dentro da Transformação Digital do CSC

Um ponto que é um importante pilar quando falamos da transformação digital do CSC são os dados financeiros.

Nos dias de hoje, as grandes empresas não podem mais ignorar que decisões tomadas sem projeções financeiras assertivas podem ser um enorme erro.  Os dados financeiros gerados dentro de um ambiente digital são muito mais confiáveis, uma vez que não estão mais nas mãos de processos manuais.

E claro, sempre defendemos que a automação e digitalização de processos financeiros são a chave para o sucesso de uma empresa organizada e pronta para interpretar com assertividade a realidade financeira.

Segundo a Pesquisa Global de Serviços Compartilhados (2019), 80% dos Centros de Serviços Compartilhados (CSC) que implementaram a automação de processos tiveram uma economia de tempo/recursos de até 20%. 

Para as empresas que optam pela transformação digital do Centro de Serviços Compartilhados (CSC) o futuro parece mais confortável e seguro. Além disso, processos automatizados e custos reduzidos podem fornecer para a organização uma vantagem competitiva no mercado em relação aos seus concorrentes.

Os Centros de Serviços Compartilhados (CSC), quando levam a transformação digital para dentro de casa, conseguem melhorar diversos processos e evitar erros que podem prejudicar a organização:

→ Falta de conexão entre os processos de CSC

Geralmente, por ter diversos departamentos que fazem parte do CSC, muitos times são envolvidos nas atividades que compõem as rotinas. Se não houver uma profunda transformação digital, a comunicação entre as equipes pode continuar com vários ruídos.

E isso, na maioria das vezes, causa desencontro de informações. Se falarmos de informações financeiras, por exemplo, o problema pode ser ainda mais estressante, já que dados espalhados pelos sistemas podem ser uma grande dor de cabeça para os times conseguirem reuni-los e tirar insights reais deles.

→ Processos automatizados, mas feitos de forma equivocada

Nos CSC defendemos que a automação de processos financeiros é um dos principais meios para melhorar a forma de trabalho, eliminar erros manuais e reduzir custos significantes.  

Entretanto, esquecemos que, para que a automação de processos financeiros seja feita de forma correta e traga resultados significativos para a organização, é necessário que a transformação digital seja aplicada corretamente. Se não, o problema de dados espalhados e processos desestruturados permanecerá.

→ Transformação digital do CSC feita através de tecnologias insuficientes

Parece básico, mas pode ser mais difícil do que imaginamos: se durante o processo de transformação digital do CSC não forem utilizadas as tecnologias corretas, com certeza ela será incompleta. 

Aqui na Dattos atendemos o departamento contábil do CSC da COFCO e logo abaixo vamos explicar como a gente alcançou transparência e transformação digital no setor contábil deles.

Transformação digital no departamento contábil do CSC

transformação digital

A COFCO é uma empresa estatal chinesa de negócios agrícolas com operação em 35 países. Com US$31 bilhões de receita global, movimenta 114 milhões de toneladas de grãos ao ano e conta com mais de 10 mil colaboradores.

Em meio à necessidade de buscar informações financeiras corretas e confiáveis, a COFCO descobriu uma grande necessidade de centralizar e padronizar os processos de reconciliação contábil realizados dentro da empresa. 

A motivação inicial era contratar uma solução tecnológica que garantisse a qualidade das informações financeiras e a auxiliasse na gestão e análise do processo de fechamento contábil. Em conjunto, a Dattos e a COFCO criaram um projeto de implementação da plataforma Dattos Recon.

Nossa solução é voltada para clientes que precisam do processamento analítico de grandes volumes de dados financeiros, e que traz funcionalidades como dashboards gerenciais, capas contábeis personalizadas, controle de aprovação e justificativas, regras customizadas de limpeza, tratamento e batimento de dados, de acordo com a estrutura dos arquivos atuais e/ou regras do negócio. 

Se você quer saber como você pode ter uma transformação digital assertiva dentro do departamento contábil do CSC da sua empresa, é só falar com a gente!