5 tendências que os CFOs devem acompanhar em 2022

CEO no seu escritório cumprimentando seu colaborador
Escrevemos esse conteúdo para destacar as 5 principais tendências de mercado que os CFOs acompanharão neste ano, além de darmos dicas exclusivas sobre o futuro dos times financeiros!

Compartilhe

5 tendências que os CFOs devem acompanhar em 2022

Não é de hoje que defendemos como os profissionais dos times financeiros – e isso inclui os CFOs – vêm desempenhando um papel mais estratégico dentro das organizações e como eles podem atuar como consultores de negócio, indo muito além das atividades tradicionais que eram atribuídas anteriormente a eles.

Por isso, mais do que nunca, esses líderes e seus times devem e precisam ser orientados por dados financeiros, adotando estratégias e tecnologias que permitam mais visibilidade em toda a empresa e que produzam dados mais rápidos para uma tomada de decisão mais assertiva.

CEO realizando suas tarefas através de tecnologias em seu laptop

A Automação e a Transformação Digital

Para acompanhar essas novas expectativas de fornecer dados financeiros e insights relevantes em tempo hábil, os CFOs precisam, também, acompanhar as tendências relevantes e priorizar os projetos de transformação digital.

Abaixo você vai ver quais são as 05 principais tendências que os CFOs precisam acompanhar – e adotar – para um maior crescimento em 2022!

Time comemorando a mudança realizadas com sucesso

A mudança para sistemas em nuvem permite que os times financeiros adotem uma mentalidade digital-first. Muitas organizações já fazem suas operações na nuvem, deixando as empresas que não adotaram essa estratégia em séria desvantagem.

Olhando para o futuro, os CFOs precisam acelerar a adoção de sistemas em nuvem e implementar soluções que olhem para os processos de forma completa (360º).

A experiência das tecnologias baseadas em nuvem em lidar com grandes volumes de dados financeiros significa que eles podem garantir melhor acessibilidade e segurança de dados. Ao implantar soluções baseadas em nuvem, as equipes financeiras melhoraram a velocidade, a confiança e a segurança de seus insights.

2. Melhor tomada de decisão com dados em tempo real

O acesso rápido a dados financeiros e precisos permite que os CFOs ajudem as organizações a ficarem à frente da concorrência. No entanto, sem a automação contábil, os dados ficam descentralizados, o que dificulta análises mais seguras e assertivas. 

Quando o CFO muda o foco para a acessibilidade dos dados financeiros, alguns obstáculos são removidos, permitindo que as organizações sejam mais eficientes na interpretação de dados e se concentrem em atividades que precisam de atenção extra.

De acordo com o Gartner, até 2023, o uso de dados financeiros automatizados também reduzirá a dependência dos times financeiros nas tarefas repetitivas e rotineiras, liberando até 20% de seu tempo para colaboração, treinamento e tarefas analíticas de alto valor.

Os contadores têm por natureza uma mentalidade analítica, e alavancar a força da automação de processos permite que eles orientem seu tempo para iniciativas de nível superior e tomada de decisões estratégicas. A automação contábil, por exemplo, libera a os times financeiros para se concentrarem em tarefas mais críticas que, geralmente, são identificadas por meio da automação.

3. Aumento na Adoção de Soluções de Automação

Uma tendência a ser observada é o aumento da adoção de tecnologias e soluções baseadas em automação. Essa mudança pode ajudar a orientar as organizações, proporcionando maior agilidade e melhores decisões baseadas em dados financeiros assertivos. 

Ao expandir as estratégias de automação, as tecnologias podem ser usadas para atividades mais complexas, liberando a equipe financeira para se concentrar em atividades mais relevantes. 

4. Contratar, reter e desenvolver habilidades digitais em finanças

As habilidades digitais são necessárias para dar suporte a um negócio em tempo real e orientado por tecnologia.

Enquanto algumas empresas estão simplesmente procurando candidatos que possam demonstrar como a análise é importante para a função financeira, os CFOs que olham para o futuro estão cada vez mais procurando candidatos que demonstrem habilidades analíticas e de resolução de problemas.

Em uma pesquisa da EY com 769 líderes financeiros, 57% dos entrevistados indicaram que construir capacidade de análise preditiva é crucial para a longevidade de sua empresa.

Além disso, seu sucesso como CFO depende da contratação de talentos que tenham inteligência emocional e habilidades interpessoais para maximizar o potencial das tecnologias adotadas.

5. Apoiar a empresa com iniciativas de transformação digital

Colaborar com os times de tecnologia é essencial para que os CFOs moldam e evoluam suas equipes financeiras em colaboradores que ajudem a organização como um todo, sendo mais adaptáveis às mudanças nos negócios. 

Apoiar a transformação digital e a capacidade de escalar rapidamente é fundamental para os CFOs à medida que olham para o futuro. Ao adotar a tecnologia que oferece as melhores soluções para que as plataformas falem e compartilhem dados financeiros entre si, os CFOs podem garantir o sucesso a longo prazo de uma organização. 

Em resumo, os CFOs não são mais considerados apenas como líderes financeiros, mas também como administradores de dados financeiros da sua organização. Quando os dados são aproveitados de maneira eficaz, esses líderes terão insights importantes sobre sua organização para garantir que as decisões de negócios mais competitivas e estratégicas possam ser tomadas.

Fonte: CFO Dive 

Adaptação: Dattos